Cálculo de Salário PJ: Passo a passo

Calcular salários PJ pode parecer complicado à primeira vista, mas entender as diferenças em relação ao regime CLT é fundamental para tomar a decisão certa. Vamos detalhar como fazer o cálculo de um salário PJ, abordando as nuances e vantagens desse modelo de contratação.

O que faz parte do cálculo do salário PJ

Em primeiro lugar, tenha em mente que o cálculo do salário PJ junta os seguintes elemento:

  • (1 ÷ 12) do seu salário mensal para compensar o 13º salário;
  • (1 ÷ 3 ÷ 12) do seu salário mensal para compensar o adicional de férias;
  • 8% do salário bruto mensal, e também dos dois valores acima, para compensar o FGTS;
  • Benefícios: muitas empresas oferecem vale refeição, alimentação, transporte, cultura, etc. Mas lembre-se que eles não são obrigatórios pela CLT. Entretanto, podem ser valores relevantes na sua situação.

Antes de continuar, conheça a nossa Calculadora CLT x PJ para fazer todas estas contas com poucos cliques!

Cálculo de Salário PJ: Baixe nossa planilha de cálculo de salários PJ.

Diferenças entre salários CLT e PJ

Benefícios e Encargos: No regime CLT, você recebe salário bruto automaticamente descontado das contribuições ao INSS e do seu Imposto de Renda.

Como PJ, porém, você recebe o valor bruto do seu salário, sem qualquer desconto e fica responsável por seus próprios tributos.

Férias e 13º Salário: A CLT garante benefícios como férias remuneradas e 13º salário, com vários detalhes uniformizados. Já no regime PJ, esses benefícios não são obrigatórios, devendo então ser negociados diretamente com o empregador.

Como Calcular Salário PJ

  1. Identifique o seu salário bruto CLT:
    • Como exemplo, vamos supor que o seu salário bruto seja R$ 10.000.
  2. Calcule os Encargos CLT:
    • Descontos de INSS e IRRF (neste caso, 25%): -R$ 2.500.
    • Então seu salário líquido é de R$ 7.500 – é isso que vai para o seu bolso!
  3. Benefícios:
    • Identifique seus benefícios anuais na CLT (13º salário, férias, FGTS): no nosso exemplo, cerca de 20% do salário bruto.
    • Valor adicional: R$ 2.000 mensais.
  4. Defina o Valor PJ (2 opções):
    • O salário mensal como PJ deve ser R$ 12.000 para compensar os outros encargos que o patrão pagaria num contrato CLT (R$ 10.000 + R$ 2.000).
    • Outra forma de fazer esta conta é somar os R$ 2 mil dos benefícios ao salário líquido CLT (R$ 7,5 mil). Neste caso, você chegaria ao fim do mês com mais dinheiro no bolso (R$ 9,5 mil), mas no final do ano teria os mesmos ganhos, pois não faria jus a 13º salário, FGTS ou férias.

Quando Compensa ser PJ?

Para que ser PJ compense financeiramente, é necessário que o valor bruto recebido seja suficiente para cobrir os benefícios não garantidos, e ainda proporcionar uma vantagem líquida. Em geral, um aumento de cerca de 20% no salário bruto pode fazer a transição valer a pena.

Importante ressaltar que esses caminhos são apenas sugestões para o cálculo do salário PJ.

E é importante você considerá-los em conjunto com outros detalhes da sua proposta de trabalho. Há colegas que defendem um aumento de pelo menos 40% no salário CLT, dependendo do caso.

Por isso, procure absorver os conceitos para você mesmo(a) fazer suas avaliações sem depender de ninguém!

Quer fazer os cálculos de salário CLT x PJ de forma prática e precisa? Então baixe nossa Calculadora CLT x PJ e veja como a transição pode ser vantajosa para você! Clique aqui para baixar agora.

Avalie

Mais sobre Salários PJ